• menu
  • fechar
  • Bauman para reflexão

    “(…) vivemos em um tempo que escorre pelas mãos, um tempo líquido em que nada é para persistir. Não há nada tão intenso que consiga permanecer e se tornar verdadeiramente necessário. Tudo é passageiro. Não há a observação pausada daquilo que experimentamos, é preciso fotografar, filmar, comentar, curtir, mostrar, comprar e comparar.
    Não há nada a que nós apegar.
    Tudo é transitório.”

    por manoelrebjr

    Nenhum comentário

    Seja o primeiro a comentar o tópico.

    Entre na discussão!

    Fique tranquilo, seu email está seguro.