• menu
  • fechar
  • Olho Dágua FM, 26/05/2018, Juininho Rebouças

    Olho Dágua FM, 26/05/2018, Juininho Rebouças

    Há pouco mais de dois anos, em uma brincadeira de bar no Espetinho do Marcos, numa noite chuvosa de sexta, juntamente com Fábio Couto, Camarão, Clóvis e Marquinho Pqt, por conta do vozeirão de Estácio, que era garçom na época, surgiu a possibilidade para eu produzir um programa na FM local.

    Após alguns contatos e conversas.

    A estreia marcada para 26/05/2018, dois dias antes, o apresentador de vozeirão, o camarada que deu origem a tudo, me avisou que por questões profissionais com relação a horário, não poderia mais apresentar o programa como planejado. Colocou assim uma tremenda bomba em minha responsabilidade.

    Os incentivadores, amigos… Desapareceu todo mundo e fiquei sozinho na bronca.

    Mas tem um ditado popular que diz o seguinte:

    “Na adversidade, aparece oportunidade”.

    E a responsabilidade da referida bomba, foi uma das melhores coisas que aconteceram na minha vida.

    Fui apresentado a Joãozinho Menezes e Ene Ricardo e eles me orientaram, deram força e incentivaram nos dias que antecederam o começo.

    E eu com minha experiência de sindicalista brabo de assembleia para trabalhadores, de pronto, passar de produtor para apresentador, tá explicado o motivo que saí do estúdio duas vezes querendo ir embora e desistir, o BG rodou três vezes sem eu conseguir dizer bom dia, e foi Felipe que com atitude intempestiva, salvadora e automática abrindo meu microfone e com o seu dedo indicador mostrando no meu rosto que eu estava no ar para toda São José de Mipibu, fazendo com que eu tivesse reação. Foram dois ou três minutos de horror, uma eternidade para rádio.

    Ainda bem que não era cardíaco.

    Não lembro de nada. Até hoje, Ene Ricardo, sabiamente, nunca liberou o áudio do primeiro programa.  

    Depois fui, pontualmente, fazer participações no Acorda Cidade, em seguida virei efetivo e quando Joãozinho assumiu o horário nobre das 9 horas, fui indicado para ficar em seu lugar e também no Caldeirão Cultural nos finais das tardes.

    Posteriormente houve a mudança na direção da Olho Dágua FM e em seguida veio o Bom Dia Mipibu, já com o meu jeito de ver comunicação e com o objetivo de difundir cultura popular.

    E mais recentemente estamos contribuindo com o departamento de jornalismo da emissora, com um jornal comentado.

    Observo e lembro que o cara do vozeirão, aquele que desistiu lá no início, merecidamente, hoje é um dos principais comunicadores da Olho Dágua FM, Estácio Izaías.

    Pelo início quero agradecer a Joãozinho Menezes, Ene Ricardo e Felipe em especial e a todos os outros que estão até hoje.

    Nestes tempos atuais, parabenizo e agradeço a Rudimar Ramon pelas modificações corajosas e transformadoras efetivadas na nossa Olho Dágua FM, veículo de comunicação comunitária, sem as quais, jamais eu teria tido oportunidade de aprender, me apaixonar e crescer como profissional de comunicação, tanto no estúdio, quanto em programação e gestão.

    Espero que a brincadeira séria, propositiva e consequente, continue por muito, muito, muito mais tempo.

    Muito obrigado!

    Valeu valendo!

    Júnior Rebouças, 25/05/2020, São José de Mipibu    

    por manoelrebjr

    Nenhum comentário

    Seja o primeiro a comentar o tópico.

    Entre na discussão!

    Fique tranquilo, seu email está seguro.